Viagem e cirurgia: como proceder?

Imagine que você marca uma viagem maravilhosa e descobre que precisa fazer uma cirurgia antes! Ou então, aquela tão sonhada ida a um local maravilhoso e distante chegou, e você tem também planos de fazer um procedimento antes… É perigoso? O que é preciso saber sobre o assunto, para não correr riscos? O fato é que tudo depende do tipo de cirurgia e anestesias feitas.

Em geral, deve-se aguardar pelo menos 2 semanas para viajar após um procedimento de qualquer espécie. As anestesias gerais são as que não oferecem preocupações adicionais. Porém, alguns tipos de anestesias são mais complicadas. E pede-se um período de pelo menos 7 dias antes de fazer qualquer tipo de viagem.

Além disso, no caso de cirurgias no corpo, plásticas ou uma cesária, por exemplo, o uso de uma cinta modeladora ou qualquer tecido modelador no corpo não impede a viagem. O que impede é o procedimento em si!

Em cirurgias mais simples, laparoscopia e colonoscopia a viagem pode ser após 2 dias. Outros procedimentos pedem mais tempo de descanso evitando viagem. Na questão da viagem de avião, após uma cirurgia, a baixa pressão atmosférica durante o voo pode ser prejudicial para alguns tipos de procedimentos.

Caso você vá viajar de avião após uma cirurgia, converse com seu cirurgião. Ele irá orientar sobre todas as medidas necessárias. Ele poderá dizer qual tipo de alimentação você deverá ter, que tipo de comportamentos e o que pode e o que não pode na hora de partir para o seu destino.

 

Quem escreve 

Deixe uma resposta