Turismo na terceira idade: descontos na Europa

Turismo na terceira idade

Turismo na terceira idade é possível. Lembro de uma vez na Bolívia ter vista uma avó canadense ter levado a neta de 18 anos para uma viagem pela América do Sul, e lá estavam fazendo uma viagem pra lá de aventureira, que incluía visitas aos belos parques nacionais bolivianos e ao lago Titicaca. Viajar depois dos 60 ficou mais natural nas últimas gerações e existem muitas vantagens em envelhecer, principalmente os descontos em museus, cinemas e passagens de ônibus ou trem.

Quando se trata de uma viagem internacional, além de precisar se preparar em um curso de inglês, o turismo da terceira idade também precisa preparar o bolso para os custos em moedas mais caras, como dólar e euro. Na Europa, cada país adota uma política diferente de benefícios para mais velhos não-residentes. Confira as vantagens de viajar para cada um desses lugares:

Turismo na terceira idade: descontos em trens

No Reino Unido, maiores de 60 anos tem 15% desconto na primeira classe do Rail Europe, válido na Inglaterra, Escócia e País de Gales. O mesmo valor de desconto o viajante consegue na Eurail Irlanda e, nas viagens de trem da Romênia o passageiro consegue 20% de desconto.

O St. James Theatre em Londres ofrece descontos de 10 libras para pessoas mais velhas. E na Irlanda, o zoológico de Dublin e o Guinness Storehouse oferecem descontos de 3,5 euros nos ingressos para pessoas acima de 55 anos.

Na França, pessoas acima de 60 anos podem solicitar o Carte Senior por 56 euros, que dá direito a descontos de 25 a 50% em viagens de trem. A Alemanha oferece os mesmos descontos para a BahnCard 25 e BahnCard 50, o cartão anual custa 110 euros.

Se estiver na Bélgica e tiver mais de 65 anos, você pode viajar para qualquer canto do país e, se for voltar no mesmo dia, a passagem de volta custa apenas 6 euros. E, nos dias de semana após as 9h01 da manhã, as passagens custam 5,20 euros.

Turismo na terceira idade: vantagens

A Itália oferece a Carta d’Argento para viajantes com mais de 60 anos, o que garante descontos de 15% em passagens de trem. Portugal tem um programa de descontos para a CP Rail System, com 50% de abatimento nos tickets de trem para passageiros com mais de 65 anos.

Maiores de 60 anos podem usufruir do benefício Tarjeta Dorada na Espanha, que oferece 35 a 40% de desconto em passagens de trem em alguns dias da semana em tickets comprados com antecedência. Basta comprar em uma estação RENFE por 5,05 euros. É válida por um ano. Dá para aproveitar as hospedagens com 10% de desconto em castelos para pessoas acima de 55 anos, os famosos Paradores.

De uma maneira geral, vale a pena investir um tempo aprendendo a língua inglesa que, em raras exceções, é bem aceita nos países europeus do lado ocidental. Aproveite a aula de inglês para descobrir as diferenças entre inglês britânico e americano, e evite algumas situações embaraçosas.

Quem escreve 

Tradutora freelancer, assessora de imprensa e fã do ambiente digital. Viaja sozinha desde muito cedo e sempre quis saber onde cada trilha e estrada acabam.

One Reply to “Turismo na terceira idade: descontos na Europa”

  1. Cara, achei demais, na moral. Parabéns pela publicação!

Deixe uma resposta